Ir direto para menu de acessibilidade.
Brasil – Governo Federal | Acesso à informação
Página inicial > Ensino
Início do conteúdo da página

Ensino

Publicado: Quinta, 11 de Março de 2021, 18h41 | Última atualização em Sexta, 12 de Março de 2021, 14h21 | Acessos: 177

 

O Ensino no IFPA Campus Abaetetuba tem priorizado a indissociabilidade das três áreas finalísticas: Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação, buscando a verticalização no itinerário formativo abrangendo níveis de ensino e modalidades de educação alicerçada no princípio constitucional da educação como direito público subjetivo visando à formação das três dimensões do sujeito: a pessoa, o trabalhador e o cidadão. Para tanto, se estrutura numa gestão integrada e com diálogo permanente com a comunidade interna e externa.

O IFPA Campus Abaetetuba oferece uma formação do sujeito protagonista de sua história, ético e envolvido com sua comunidade e região com educação profissional, científica e tecnológica de base cidadã e currículo integrado, por meio do ensino, pesquisa, extensão e inovação, colaborando com o desenvolvimento sustentável da região amazônica.

Nossos objetivos e metas estão firmados no Plano de Desenvolvimento Institucional para o quinquênio 2018 a 2023 em conformidade com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), Lei nº 9.394/1996, e com o Plano Nacional de Educação (PNE), aprovado pela Lei nº 13.005/2014 e à Lei nº 11.892/2008, que criou os Institutos Federais. Bem como no Projeto Pedagógico Institucional (PPI), Regulamento Didático Pedagógico do Ensino (Resolução nº 041/2015-CONSUP), bem como do Estatuto do IFPA (Resolução nº 148/2016-CONSUP), e do Regimento Geral do IFPA (Resolução nº 399/2017-CONSUP).

 

Nossos principais objetivos são:

 

a) Garantir a oferta de cursos do Ensino Médio Técnico e Subsequente e Ensino Superior, voltados às demandas do mundo do trabalho e aos arranjos produtivos existentes.

b) Elevar o desempenho acadêmico dos alunos.

c) Contribuir na melhoria técnica e tecnológica da cadeia produtiva em seus Arranjos Produtivos Locais – APL’s.

d) Oportunizar aos jovens um processo educativo que esteja voltado a sua inserção no mercado de trabalho, bem como a sua condição social e familiar.

e) Garantir cursos de formação continuada que possibilitem o aprimoramento dos estudos.

f) Garantir no processo educativo o tripé ensino, pesquisa e extensão.

g) Promover um processo educativo que respeite as especificidades dos educandos e suas temporalidades.

h) Acessibilidade urbanística, arquitetônica, nos mobiliários e equipamentos, nos transportes, na comunicação e informação que possibilitem o acesso, a participação e a aprendizagem dos estudantes com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotação.

i) Fomentar instrumentalizações a comunidade acadêmica em uma perspectiva inclusiva;

j) Aumentar o índice geral de aprovação dos alunos.

k) Ministrar em nível de educação superior:

      k-i) cursos superiores de tecnologia visando à formação de profissionais para os diferentes setores da economia;

     k-ii) cursos de licenciatura, bem como programas especiais de formação pedagógica, com vistas à formação de professores para a educação básica e para a educação profissional;

     l-iii) cursos de pós-graduação lato sensu de especialização, visando à formação de especialistas nas diferentes áreas do conhecimento;

      k-iv) cursos de pós-graduação stricto sensu de mestrado e doutorado que contribuam para promover o estabelecimento de bases sólidas em educação, ciência e tecnologia, com vista ao processo de geração e inovação tecnológica.

l) Fortalecer a integração escola-comunidade.

m) Garantir uma gestão democrática.

n) Assegurar um desempenho de excelência.

Fim do conteúdo da página
-->